Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Destaque

Palestra Sustentabilidade Regional realizada 24 de maio em Maracaju, MS

Alcir Muller, diretor e presidente da Revista Ambiente Global A equipe Ambiente Global agradece as autoridades que se fizeram presente ...

Jaburu Distribuidora

Jaburu Distribuidora

Rei das Latas

Rei das Latas

Redes Sociais

Fazenda Beira Rio

Fazenda Beira Rio

Samania Agropecuária

Samania Agropecuária

Doces Gotas de Mel

Doces Gotas de Mel

Publicidade

.

.
SEMENTES SERTÃO

Você bilíngue

Publicidade II

Ads

domingo, 10 de março de 2013

Polícia Ambiental fecha carvoaria que funcionava sem autorização em MS


G1 MS


Carvão nativo era processado ilegalmente e foi apreendido.
Proprietário do lugar foi multado em R$ 3 mil e responderá pelo crime.


Carvoaria funcionava com 40 fornos. Atividades foram paralisadas no local. (Foto: Divulgação/ PMA)

A Polícia Militar Ambiental (PMA) fechou uma carvoaria que funcionava sem autorização ambiental em Santa Rita do Pardo, a 267 km de Campo Grande. A fiscalização aconteceu na tarde de sábado (9), quando também foram fiscalizadas outras propriedades rurais da região. O dono do lugar foi autuado e multado em R$ 3 mil.


Segundo a PMA, a carvoaria funcionava com 40 fornos e estava instalada em uma fazenda, na MS 395.
No local, a polícia apreendeu 12 metros cúbicos de carvão nativo que estavam sendo processados ilegalmente. As atividades foram paralisadas.
Além da multa, o proprietário da carvoaria será indiciado pelo crime ambiental de praticar atividade potencialmente poluidora sem autojrização ambiental.
Se condenado, ele poderá cumprir pena de três a seis meses de detenção, por funcionar a carvoaria sem autorização, e pena de seis meses a um ano de detenção pelo carvão ilegal que estava sendo processado.

Postar um comentário

Publicidade II