Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Destaque

Palestra Sustentabilidade Regional realizada 24 de maio em Maracaju, MS

Alcir Muller, diretor e presidente da Revista Ambiente Global A equipe Ambiente Global agradece as autoridades que se fizeram presente ...

Fazenda Beira Rio

Fazenda Beira Rio

Samania Agropecuária

Samania Agropecuária

Doces Gotas de Mel

Doces Gotas de Mel

Publicidade

.

.
SEMENTES SERTÃO

Você bilíngue

Publicidade II

Ads

sábado, 4 de maio de 2013

Decoada provoca morte de peixes no rio Paraguai em Corumbá, MS

Fenômeno ocorre em período de cheia e retira oxigênio dos peixes.
Vegetação arrastada ao longo do rio contribui para a mortandade.


Foto: G1 MS/Divulgação
A decoada tem provocado a morte de peixes na região de Porto Morrinho, a 70 quilômetros do município de Corumbá. Exemplares como cachara, armal, piranha e pintado foram encontrados numa extensa faixa da superfície do rio Paraguai.

O fenômeno é típico da época de cheias. Segundo pesquisadores, a vegetação arrastada pelo rio deixa o oxigênio insuficiente para os peixes, que acabam morrendo. Alguns vão até áreas mais rasas do rio em busca de oxigênio, mas não resistem.

G1 MS
Postar um comentário

Publicidade II