Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Destaque

Palestra Sustentabilidade Regional realizada 24 de maio em Maracaju, MS

Alcir Muller, diretor e presidente da Revista Ambiente Global A equipe Ambiente Global agradece as autoridades que se fizeram presente ...

Jaburu Distribuidora

Jaburu Distribuidora

Rei das Latas

Rei das Latas

Redes Sociais

Fazenda Beira Rio

Fazenda Beira Rio

Samania Agropecuária

Samania Agropecuária

Doces Gotas de Mel

Doces Gotas de Mel

Publicidade

.

.
SEMENTES SERTÃO

Você bilíngue

Publicidade II

Ads

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

PMA autua fazendeiro em R$ 24,6 mil por desmatamento ilegal

A área desmatada vistoriada e medida em GPS foi de 81,5 hectares


O proprietário possuía uma licença ambiental para limpeza de pastagem,
licença para corte de pequenos arbustos ao meio da pastagem.
(Foto: Divulgação/ Assecom)

Policiais Militares Ambientais do Grupamento de Águas do Miranda, em Bonito (MS) autuaram hoje à tarde um pecuarista por desmatamento ilegal. A PMA localizou a infração em uma fazenda no município de Bonito, o qual fora realizado com uso de máquinas de esteira e correntão.

A área desmatada vistoriada e medida em GPS foi de 81,5 hectares e havia várias árvores derrubadas e arbustos em meio a uma pastagem abandonada. O proprietário possuía uma licença ambiental para limpeza de pastagem. Este tipo de licença é para corte de pequenos arbustos ao meio da pastagem e não árvores com material lenhoso formado, como foi o caso identificado de diversas árvores com mais de 32 centímetros de diâmetros, que é o limite para que se caracterize a limpeza de pastagem, conforme a licença. Não se precisa de trator para se realizar este tipo de limpeza.

As atividades foram interditadas e o proprietário da fazenda, residente em Rio Brilhante (MS) foi autuado administrativamente e multado em R$ 24.600,00. O proprietário rural responderá por crime ambiental e, se condenado, poderá pegar pena de três meses a um ano de detenção.

(*)Com informações de Assecom PMA MS

Perfil News

Postar um comentário

Publicidade II