Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Destaque

Palestra Sustentabilidade Regional realizada 24 de maio em Maracaju, MS

Alcir Muller, diretor e presidente da Revista Ambiente Global A equipe Ambiente Global agradece as autoridades que se fizeram presente ...

Fazenda Beira Rio

Fazenda Beira Rio

Samania Agropecuária

Samania Agropecuária

Doces Gotas de Mel

Doces Gotas de Mel

Publicidade

.

.
SEMENTES SERTÃO

Você bilíngue

Publicidade II

Ads

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

MS: Polícia Ambiental prende empresário paulista com pescado ilegal



Uma equipe da Polícia Militar Ambiental de Costa Rica, que trabalha na operação “Pré-Piracema”, prendeu neste domingo (3) um empresário de Ribeirão Preto (SP) por pesca e transporte de produto da pesca predatória.

A PMA o abordou na rodovia MS-359 conduzindo um veículo Toyota Hilux e encontrou em duas caixas de isopor 22 exemplares de peixes da espécie pacu, pesando 29 kg, sendo dez exemplares fora da medida permitida. 

O autuado de 43 anos afirmou ter capturado o pescado no rio Taquari, na região de Silvolândia, no município de Coxim e o estaria levando para sua residência. Além de peixe fora da medida, o pescado estava acima da cota permitida pela legislação, que é de 10 kg mais um exemplar e cinco piranhas por pescador. O infrator foi multado administrativamente em R$ 2.680,00. 

A PMA apreendeu o veículo e o pescado ilegal. O pescador recebeu voz de prisão e foi conduzido, com o material apreendido, à Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica, onde ele foi autuado em flagrante por pesca e transporte de produto da pesca predatória e saiu depois de pagar fiança. A pena para este crime é de um a três anos de prisão. O pescado será doado a instituições filantrópicas depois de periciado.


MSPONTOCOM
*Atualizado às 11h02min
Postar um comentário

Publicidade II