Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Destaque

Palestra Sustentabilidade Regional realizada 24 de maio em Maracaju, MS

Alcir Muller, diretor e presidente da Revista Ambiente Global A equipe Ambiente Global agradece as autoridades que se fizeram presente ...

Fazenda Beira Rio

Fazenda Beira Rio

Samania Agropecuária

Samania Agropecuária

Doces Gotas de Mel

Doces Gotas de Mel

Publicidade

.

.
SEMENTES SERTÃO

Você bilíngue

Publicidade II

Ads

sábado, 21 de novembro de 2009

Madeira apreendida em Rondônia será doada ao Fome Zero




Cerca de 3,8 mil metros cúbicos de madeira apreendida no Portal de Vilhena, instalado na BR-364, em Rondônia, foram doados ao programa Fome Zero. O termo de doação foi assinado nessa quinta-feira (19). A carga será leiloada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), por meio da Bolsa de Mercadorias. Os recursos serão depositados no Fundo de Erradicação e Combate da Pobreza. Entre as madeiras apreendidas há várias espécies como Angelim-Pedra, Maçaranduba, Faveira-ferro, Jequitibá, Pequiarana e Cambará Preto.
Esta é a terceira ação de parceria entre os Ministérios do Desenvolvimento Social e do Meio Ambiente, que já doou os resultados de duas apreensões de boi pirata da Amazônia para o Fome Zero.

A CONAB – Empresa pública, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa, criada por Decreto Presidencial e autorizada pela Lei nº 8.029, de 12 de abril de 1990, tendo iniciado suas atividades em 1º de Janeiro de 1991.

O surgimento da Conab representou um passo importante na racionalização da estrutura do Governo Federal, pois se originou da fusão de três empresas públicas, a Companhia Brasileira de Alimentos (Cobal), Companhia de Financiamento da Produção (CFP) e a Companhia Brasileira de Armazenamento (Cibrazem), que atuavam em áreas distintas e complementares, quais sejam, abastecimento, fomento à produção agrícola e armazenagem, respectivamente.

A Conab é a empresa oficial do Governo Federal, encarregada de gerir as políticas agrícolas e de abastecimento, visando assegurar o atendimento das necessidades básicas da sociedade, preservando e estimulando os mecanismos de mercado.



Postar um comentário

Publicidade II